Literatura no Oscar 2016

quarta-feira, março 02, 2016 Iuçara Soares 0 Comentários


Considerados campeões de bilheteria, as adaptações de obras literárias para o cinema parecem ter conquistado o seu lugar na maior e mais importante premiação do cinema internacional, o Oscar.

Em sua 88ª edição, a premiação deste ano contou com seis filmes inspirados em livros concorrendo nas categorias de Melhor Filme. Sendo que cinco deles também concorreram à categoria de Melhor Roteiro Adaptado, criada especialmente para os longas-metragens baseados tanto em livros, quanto em peças de teatro, musicais e até mesmo em parques de diversões, como o filme “Piratas do Caribe”.

Os Indicados

Assim, os roteiros adaptados partem de histórias que tem uma maior aceitação em outras mídias, embora não sejam sempre baseadas em um livro. No entanto, também há casos de filmes baseados em livros que não concorrem à categoria, como o longa-metragem “O Resgate” (The Revenant), que embora baseado no romance homônimo escrito por Michael Punke não foi indicado à categoria de Melhor Roteiro Adaptado. Isso, talvez, devido ao fato do roteiro do filme ter sido inspirado na história real do caçador Hugh Glass, na qual o livro também foi baseado.

Dirigido por Alejandro González Iñárritu, também responsável pelo roteiro ao lado de Mark L. Smith, o filme, vencedor do Globo de Ouro 2016, recebeu 12 indicações ao Oscar, incluindo a de Melhor Filme. Tendo levado para casa três estatuetas, sendo elas a de Melhor Fotografia, Melhor Diretor e Melhor Ator para Leonardo DiCaprio.



Há também o longa-metragem “Ponte de Espiões” (Bridge of Spies), que embora inspirado no romance “Uma Ponte Entre Espiões escrito por Giles Whittell, concorreu à categoria de Melhor Roteiro Original e não a de Melhor Roteiro Adaptado, talvez por ser uma adaptação da história real, na qual o livro foi baseado.

O filme de espionagem, dirigido por Steven Spielberg e escrito por Matt Charman, Joel e Ethan Coen recebeu 6 indicações ao Oscar, incluindo de Melhor Filme. Tendo levado para casa o Oscar na categoria de Melhor Ator Coadjuvante (Mark Rylance).



Das páginas dos livros para as telas do cinema, temos o filme “Perdido em Marte” (The Martian), baseado no romance de ficção científica do autor Andy Weir, que conta a história do astronauta Mark Watney (Matt Damon) abandonado em Marte por sua tripulação, após ser dado como morto durante uma feroz tempestade.

Dirigido pelo cineasta Ridley Scott, o filme, estrelado por Matt Damon, recebeu 7 indicações ao Oscar, incluindo a de Melhor Filme e Melhor Roteiro Adaptado, escrito por Drew Goddard, tendo levado para casa a estatueta de Melhor Edição de Som (Alan Robert Murray, Bub Asman).



Dirigido por Lenny Abrahamson e com roteiro adaptado pela irlandesa Emma Donoghue, também autora da obra em que o filme foi inspirado, “O Quarto de Jack” (Room), recebeu 4 indicações ao Oscar deste ano, incluindo de Melhor Filme e Melhor Roteiro Adaptado. Tendo vencido na categoria de Melhor Atriz (Brie Larson).



O longa-metragem “Brooklyn” recebeu três indicações ao Oscar, incluindo a de Melhor Roteiro Adaptado e Melhor Filme. Dirigido por John Crowley, com roteiro adaptado por Nick Hornby, e estrelado por Saoirse Ronan, o filme é inspirado no livro homônimo de Colm Tóibín.



Há ainda o filme “Carol” do diretor Todd Haynes, que recebeu 6 indicações ao Oscar, incluindo de Melhor Roteiro Adaptado e Melhor Atriz para Cate Blanchett. Com roteiro adaptado por Phyllis Nagy, o longa-metragem é baseado no livro “The Price of Salt” (1952) de Patricia Highsmith.



E o Oscar foi para...

Dirigido por Adam Mckay, também responsável pelo roteiro ao lado de Charles Randolph, o longa-metragem com cinco indicações ao Oscar, incluindo a de Melhor Filme, conquistou o Oscar deste ano na categoria de Melhor Roteiro Adaptado.

“A Grande Aposta” (The Big Short) estrelado pelos atores Christian Bale, Steve Carell, Ryan Gosling e Brad Pitt, é um filme biográfico inspirado no livro A Jogada do Século de Michael Lewis, que narra à história de quatro homens que anteciparam a crise imobiliária e econômica dos Estados Unidos em 2008.



Já o grande vencedor da noite, contra todas as apostas, foi o longa “Spotlight - Segredos Revelados”. Dirigido por Thomas McCarthy e com um elenco de peso, o filme levou para casa duas estatuetas, incluindo a de Melhor Roteiro Original e Melhor Filme.



Mais Adaptações

Vários outros filmes baseados em obras literárias também concorreram ao Oscar 2016, em diversas categorias, como o longa “A Garota Dinamarquesa” (The Danish Girl) dirigido por Tom Hooper, inspirado no romance de David Ebershoff, que deu a Alicia Vikander o Oscar de Melhor Atriz Coadjuvante.

Há ainda o longa “Steve Jobs”, baseado na biografia do cofundador da Apple escrita por Walter Isaacson. Dirigido por Danny Boyle, o filme recebeu duas indicações na categoria de Melhor Ator (Michael Fassbender) e Melhor Atriz (Kate Winslet). Sem falar no filme “Trumbo” baseado na biografia de 1977 escrita por Bruce Cook, indicado na categoria de Melhor Ator (Bryan Cranston).

Já na categoria de Melhor Canção Original concorreu o filme “Cinquenta Tons de Cinza”, baseado na obra de Erika Leonard James, com a canção “Earned It” de The Weeknd. Mas o grande vencedor da noite na categoria foi “Writing's On The Wall” de Sam Smith, canção tema do filme “007 Contra Spectre”, o vigésimo quarto da franquia cinematográfica de James Bond, personagem criado pelo autor britânico Ian Flaming.

Também concorreram ao Oscar os filmes “Cinderella”, inspirado no clássico conto de fadas dos irmãos Grimm. Além da animação japonesa “As Memórias de Marnie” (Omoide no Marnie), baseado no romance “When Marnie Was There” escrito por Joan G. Robinson, e o drama britânico “45” baseado no ensaio “In Another Country” de David Constantine. Sem falar no sucesso de bilheteria “Star Wars: O Despertar da Força”, que inspirou uma série de livros escrita por diversos autores. O filme concorreu nas categorias Melhor Mixagem de Som, Melhor Edição de Som, Melhores Efeitos Visuais, Melhor Edição e Melhor Trilha Sonora.

Assim, em meio a polêmicas, discursos emocionados e belíssimas apresentações, a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas reservou inúmeras surpresas para o público, algumas boas, outras nem tanto, mas todas memoráveis.

Confira a lista completa dos indicados e vencedores do Oscar 2016 no site Omelete.

0 comentários:

Deixe aqui seu comentário.

Responderei assim que possível.

Obrigada pela visita!