Prêmio Nobel de Literatura 2013

segunda-feira, outubro 28, 2013 Iuçara Soares 0 Comentários ,


A Real Academia Sueca de Ciências anunciou em Estocolmo, a escritora canadense Alice Munro como a vencedora de um dos mais prestigiados prêmios literários do mundo, o Prêmio Nobel de Literatura.


O prêmio, que existe desde 1901, é entregue a um escritor (a) de qualquer nacionalidade que, de acordo com Alfred Nobel, tenha “produzido, no campo literário, o mais magnífico trabalho em uma direção ideal”. Premiando os vencedores com a quantia de 8 milhões de coroas suecas (cerca de 2,4 milhões de reais).

A Vencedora

Descrita como “mestre dos contos contemporâneos” e como "Chekhov do Canadá", em referência ao escritor russo Anton Chekhov, Alice Munro é conhecida por seus contos curtos que exploram de forma sensível a fragilidade da condição humana.

Segundo a Academia Sueca, as obras da autora são também marcadas por sua "sutil narrativa, que se caracteriza pela clareza e o realismo psicológico".

"Suas histórias se passam geralmente em cidades pequenas, onde a luta por uma existência socialmente aceitável gera muitas vezes relações tensas e conflitos morais, problemas que resultam de diferenças de gerações e conflitos de ambições de vida", completou a Academia, em nota.

Além do Prêmio Nobel, Munro também foi agraciada com alguns dos mais importantes prêmios literários, como o Man Booker International Prize (2009), o National Book Critics Circle Award (1998) e o Governor General's Literary Award (1968, 1978, 1986), entre outros.

Suas obras

Apesar de ter começado a escrever ainda muito jovem, Alice Munro só publicou seu primeiro conto "Dance of the Happy Shades", em 1968, pelo qual recebeu o prêmio Governor General's Awards.

Depois disso, ela escreveu inúmeras obras, como “Lives of Girls and Women” (1971), “Something I've Been Meaning to Tell You” (1974), "Who Do You Think You Are?" (1978), "The Moons of Jupiter" (1982), “The Progress of Love” (1986) e “Friend of My Youth” (1990). 

Assim como os contos
“Open Secrets” (1994), “The Love of a Good Woman” (1998), “Hateship, Friendship, Courtship, Loveship, Marriage” (2001), "Runaway" (2004), "The View of Castle Rock" (2006), "Too Much Hapiness" (2009), e sua última publicação, "Dear Life" (2012). 

Consideradas um sucesso de vendas, as obras foram traduzidas para diversos países, incluindo o Brasil, que publicou quatro dos livros da autora. Sendo eles "Ódio, amizade, namoro, amor, casamento" (2004), "Fugitiva" (2006), "Felicidade Demais" (2010) e "O Amor de Uma Boa Mulher" (2013). Mais livros devem ser lançados até 2014.

Além disso, sete das obras de Munro também ganharam as tela do cinema. Entre elas, o conto “The Bear Came Over The Mountain”, da obra “Hateship, Friendship, Courtship, Loveship, Marriage”.

Dirigido pela canadense Sarah Polley e estrelado pela atriz Julie Christie, o filme “Away from Her” (Longe Dela, no Brasil), adaptado para o cinema em 2006, recebeu duas indicações ao Oscar, a de Melhor Atriz e Melhor Roteiro Adaptado.

Sobre a autora

Nascida em 10 de julho de 1931, em Wingham, na província canadense de Ontário, filha de uma professora e um fazendeiro, Alice Ann Laidlaw Munro passou boa parte da vida no campo. Lugar que serve de cenário para a maioria de suas histórias.

Alice Munro / foto: Derek Shapton
A autora chegou a estudar Jornalismo e Inglês na Universidade de Western Ontário, mas decidiu abandonar a faculdade quando se casou com James Munro, com quem teve quatro filhas. Assim, em 1963, a família se mudou para Victoria, onde abriram a livraria "Munro's Books".

Mais tarde, em 1972, após o divórcio, Alice se tornou "escritora residente" na Universidade de Western Ontário, além de continuar sempre escrevendo. E em 1976, ela se casou com o geógrafo, Gerald Fremlin, falecido em abril deste ano.

Atualmente, aos 82 anos, Munro vive em Clinton, a sudoeste de Ontário, perto do local onde nasceu. Tendo, recentemente, anunciado a imprensa que não pensa em escrever mais.

A cerimônia de entrega do Prêmio Nobel acontecerá em Estocolmo no dia 10 de dezembro, aniversário da morte do fundador do prêmio, Alfred Nobel. Infelizmente, devido a problemas de saúde, a autora não poderá comparecer ao evento, assim, sua filha Jenny irá representá-la na cerimônia.

Confira
os demais vencedores do Nobel no site oficial do prêmio (em inglês).

0 comentários:

Deixe aqui seu comentário.

Responderei assim que possível.

Obrigada pela visita!