Elementary

sexta-feira, agosto 05, 2016 Iuçara Soares 0 Comentários


Inspirada na obra do renomado autor britânico Sir Arthur Conan Doyle, a série, que teve sua estreia em 27 de setembro de 2012, foi recentemente renovada para a sua quinta temporada, que estreia em 02 de outubro.

Criada por Robert Doherty e exibida pela rede americana CBS, “Elementary” apresenta uma visão moderna das aventuras do notório detetive particular Sherlock Holmes, que troca a Baker Street do século XIX pela New York dos tempos atuais.

A trama

Sherlock Holmes (Jonny Lee Miller) é um ex-consultor da Scotland Yard, que após passar um tempo em uma clínica de reabilitação de drogas, decide retomar seu trabalho como detetive consultor, mas desta vez na cidade de New York.

No entanto, para prevenir uma possível recaída, seu rico e distante pai contrata uma acompanhante de sobriedade, a Dra. Joan Watson (Lucy Liu), uma cirurgiã que perdeu a licença há três anos quando um de seus pacientes morreu.

Assim, além de dividir o apartamento com Sherlock e monitorar cada um de seus passos, Watson passa a acompanhá-lo durante suas investigações, mas com o tempo, seu relacionamento evolui e eles se tornam parceiros trabalhando lado a lado, como consultores da polícia de New York (NYPD), sob o comando do Capitão Thomas Gregson (Aidan Quinn). Holmes conta ainda com o auxilio do detetive Marcus Bell (Jon Michael Hill).

Sendo que, ao longo das temporadas outros personagens foram surgindo, como o Inspetor Gareth Lestrade (Sean Pertwee) da Scotland Yard, e Miss Hudson (Candis Cayne), uma velha amiga de Sherlock. Sem falar, no grande amor de Sherlock Holmes, Irene Adler (Natalie Dormer), e em sua nova protegida Kitty (Ophelia Lovibond), introduzida durante a terceira temporada.

Morland Holmes (John Noble), o pai de Sherlock com quem o detetive tem uma complicada relação, é apresentado ao público na quarta temporada da série. Assim como seu irmão mais velho Mycroft Holmes (Rhys Ifans), que surge na segunda temporada, e não vamos esquecer Clyde, a tartaruga de estimação da dupla de detetives.

Produção

“Elementary” é uma série policial repleta de mistério, crime, ironia, e um leve toque de humor, na qual o público acompanha o passo a passo das investigações policiais do brilhante, porém excêntrico detetive Sherlock Holmes, tentando seguir seu raciocínio, que parece estar sempre à frente de todos, inclusive da policia e da própria Watson.

Desde seu lançamento, a série tem sido bem recebida pelos fãs e pelos críticos, que elogiaram tanto as performances dos atores como a escrita e a nova abordagem da história do famoso detetive. Sem falar, no figurino cheio de estilo da Dra. Watson, que tem dado muito o quê falar na mídia.

Sendo filmada na cidade de New York, “Elementary” tem seu roteiro desenvolvido pelo criador da série e autor do seu episódio-piloto, Robert Doherty, que também produz a série ao lado de Sarah Timberman e Carl Beverly.

New Holmes. New Watson. New York.

Muitas foram às alterações feitas na história original escrita por Conan Doyle, para transportar os personagens para a New York dos tempos atuais, mas nenhuma delas chamou tanto a atenção quanto a versão feminina de Watson, e a verdadeira identidade do Napoleão do Crime, Moriarty.

Segundo Robert Doherty afirmou em diversas entrevistas, uma das razões pela qual decidiu mudar o gênero do personagem Watson foi para mostrar que “homens e mulheres podem trabalhar juntos e não terminarem em um relacionamento amoroso”. Nesse caso os românticos de plantão já podem perder suas esperanças.

Outro personagem que tem sua história radicalmente alterada é o Capitão Thomas Gregson da policia de New York, que na história original é conhecido como o Inspetor Tobias Gregson da Scotland Yard, que surge pela primeira vez no romance “Um Estudo em Vermelho”. Já o Holmes de Miller exibe muitos aspectos do clássico personagem, como a sua genialidade, seu raciocínio rápido e seus métodos excêntricos, enquanto que suas relações familiares, especialmente o ressentimento por seu pai, foram adicionados a narrativa.

Há ainda, o título da série, uma clara referência à famosa frase “Elementar, meu caro Watson”, que, embora conhecida mundialmente, nunca foi de fato mencionada nos livros de Sherlock Holmes.

Nas Livrarias

Photography by Lou Abercrombie
Embora inspirada na obra de Sir Arthur Conan Doyle, “Elementary” também deu origem a uma série de livros tie-in oficiais, publicados pela editora americana Titan Books e escritos pelo premiado editor, romancista, e quadrinista, Adam Christopher.

Considerado um episódio prolongado da série, o primeiro romance “Elementary: The Ghost Line” foi publicado em 24 de fevereiro de 2015, e conta com 320 páginas, além de uma história bem escrita com ritmo acelerado e uma trama repleta de reviravoltas e bom humor. Tendo sido indicado para o Scribe Awards 2016.

Já o segundo livro “Elementary: Blood and Ink”, também com 320 páginas, foi publicado em 26 de abril deste ano, mas embora possua uma boa história capaz de entreter os leitores, parece não ter agradado tanto aos fãs quanto o primeiro romance.


Sherlock Holmes foi criado por Sir Arthur Conan Doyle em 1887, tendo suas aventuras relatas em quatro romances e cinco livros de contos, todos publicados no Brasil. Sendo que, em 2000, o personagem se tornou de domínio público no Reino Unido. Já nos EUA, apenas as obras anteriores a 1923 são de domínio público.

Saiba mais sobre Elementary em seu site oficial na CBS, e confira algumas curiosidades sobre o elenco e a produção da série no site da Universal Channel.

Assista ao trailer promocional da série (em inglês):

0 comentários:

Deixe aqui seu comentário.

Responderei assim que possível.

Obrigada pela visita!