L&PM Editores lança novos livros de Jane Austen

terça-feira, fevereiro 14, 2017 Iuçara Soares 0 Comentários


Os fãs de Jane Austen já podem comemorar, pois a L&PM Editores lança, oficialmente, nas livrarias de todo país, dois novos livros da renomada autora britânica. 


Os livros, em edição de bolso, contam com tradução de Rodrigo Breunig e uma belíssima ilustração de capa da artista alemã Birgit Amadori, que faz parte da coleção “Vintage Classics” lançada, originalmente, em 2007 pela editora britânica Random House.

Amor e Amizade

Com 144 páginas e apresentação de G.K. Chesterton, “Amor e Amizade & Outras Histórias” (Love and Friendship) é uma seleção das primeiras histórias escritas por Jane Austen, durante sua juventude. São ao todo três romances escritos na forma de narrativas epistolares, contadas por meio de cartas.

O primeiro deles é “Amor e Amizade”, escrito pela autora em 1790, aos seus 15 anos. O romance mostra a troca de correspondência entre Laura, uma mulher madura, e Marianne, a jovem filha de uma amiga, na qual Laura relata as desventuras amorosas da sua mocidade, que inclui amores proibidos, fugas da família, e muitos e hilários desmaios. 

O livro conta ainda com as histórias “As Três Irmãs” (The Three Sisters) e “Uma Coleção de Cartas” (A Collection of Letters), que foram escritas por Austen, em estilo cômico, antes de a autora completar 17 anos, entre 1791 e 1792.

Lady Susan

Já “Lady Susan, Os Watson e Sanditon” (Lady Susan, The Watsons, Sanditon), conta com 240 páginas, nas quais narra à história de uma das personagens mais calculista e odiosa já criada por Jane Austen, além de duas obras inacabadas da autora, “Os Watson” e “Sanditon”.

Abordando de forma satírica os costumes e a moral da época, “Lady Susan” põe em cena uma bela e ardilosa aristocrata que se tornou viúva e não hesita em manipular as pessoas, especialmente os homens, a seu bel-prazer. Monstro egoísta, joga com o destino dos sobrinhos e da própria filha, que considera sem charme e sem inteligência. 

Não se sabe ao certo quando Austen escreveu o romance, acredita-se que tenha sido entre 1794 e 1805. O que se sabe é que ela preferiu não apresentar o texto para publicação, e este permaneceu desconhecido por mais de 50 anos após a morte da autora.

0 comentários:

Deixe aqui seu comentário.

Responderei assim que possível.

Obrigada pela visita!